Artigos Científicos

Efeitos do treinamento resistido no fígado gorduroso não alcoólico: um estudo clínico controlado e randomizado. #47

O treinamento resistido é eficiente para reduzir infiltração gordurosa do fígado.

Shira Zelber-Sagi, Assaf Buch,Hanny Yeshua, Nahum Vaisman,Muriel Webb,Gil Harari,Ofer Kis, Naomi Fliss-Isakov, Elena Izkhakov, Zamir Halpern, Erwin Santo,Ran Oren, Oren Shibolet, 2015. 

World J Gastroenterol2014 April 21; 2015: 4382-4392.

Comentários: Dr. José Maria Santarem – julho de 2015.

Adaptação funcional de tendão e músculo esquelético ao treinamento resistido em três pacientes com sindrome clássica de ehlers danlos comprovada geneticamente. #46

O treinamento resistido pesado é eficiente e seguro mesmo em doença genética do tecido conjuntivo.

Mathias Bech Møller; Michael Kjær; René Brüggebusch Svensson; Jesper Lovind Andersen; Stig Peter Magnusson; Rie Harboe Nielsen, 2014. 

Muscles, Ligaments and Tendons Journal 2014; 4 (3): 315-323.

Comentários: Dr. José Maria Santarem – abril de 2015.

Uma revisão sistemática da atividade dos músculos centrais do corpo (core) em exercícios de condicionamento físico. #45

Exercícios básicos da musculação com pesos livres são os mais eficientes e seguros para estimular os músculos do core.

Jason M. Martuscello, James L. Nuzzo, Candi D. Ashley, Bill I. Campbell, John J. Orriola, and John M. Mayer.

Journal of Strength and Conditioning Research 27(6)/1684–1698, 2013.

Comentários: Dr. José Maria Santarem – março de 2015.

O treinamento resistido melhora a função hemodinâmica, a deposição de colágeno e os indicadores de inflamação: um modelo experimental de insuficiência cardíaca. #44

O treinamento resistido produz importantes benefícios na insuficiência cardíaca, sem efeitos deletérios.

Jadson P. Alves, Ramiro B. Nunes, Giuseppe P. Stefani, Pedro Dal Lago; 2014. 

PLOS ONE | www.plosone.org – October 2014 | Volume 9 | Issue 10 | e110317

Comentários: Dr. José Maria Santarem, outubro de 2014.

Eficiência do Treinamento Resistido e do Treinamento Convencional para Equilíbrio em Idosos – Um Estudo Experimental, Controlado e Randomizado. #40

O treinamento resistido é mais eficiente para melhorar a estabilidade corporal em idosos do que exercícios clássicos para equilíbrio, mesmo quando realizado com equipamento rudimentar e programas não convencionais.

Abraham M. Joshua, Vivian D’Souza, B. Unnikrishnan, Prasanna Mithra, Asha Kamath, Vishak Acharya, Anand Venugopal, 2014. 

Journal of Clinical and Diagnostic Research. 2014 Mar, Vol-8(3): 98-102

Comentários: Dr. José Maria Santare – maio de 2014

Estímulo Mecânico e Saúde Óssea – Quais as Evidências? #39

Trabalhos recentes mostram que os exercícios resistidos são os mais eficientes para fortalecer os ossos, mesmo quando não ocorre aumento da densidade mineral óssea.

Angela M. Cheung e Lora Giangregorio; 2012. 

Department of Kinesiology, University of Waterloo, Waterloo, Ontario, Canada.

www.co-rheumatology.com  /  Volume 24 _ Number 5 _ September 2012

Comentários: Dr. José Maria Santarem – março de 2014.

Treinamento Resistido para Prevenção e Tratamento do Diabetes: Dados Experimentais e Mecanismos Moleculares. #38

Novas evidências sugerem a superioridade da musculação para prevenção e tratamento do diabetes mellitus do tipo 2 em relação aos exercícios aeróbicos.

Barbara Strasser e Dominik Pesta; 2013. 

Hindawi Publishing Corporation / BioMed Research International

Volume 2013, Article ID 805217, 8 pages / http://dx.doi.org/10.1155/2013/805217

Comentários: Dr. José Maria Santarem – fevereiro de 2014.

Connect us

Our social contacts

Preencha seu e-mail se quiser ser avisado sempre que um novo trabalho comentado for publicado!